Ribeirão Preto é o 8º município brasileiro que melhor trata seu saneamento básico, segundo o Trata Brasil

Conquista é resultado do trabalho e do investimento do Daerp para melhorar o   abastecimento de água e o tratamento de esgoto.

 

O Instituto Trata Brasil divulgou nesta quarta-feira, dia 16, um levantamento que indica que Ribeirão Preto está em 8º lugar entre os 100 maiores municípios brasileiros que trata seu saneamento básico. A conquista mostra a evolução no trabalho executado para melhorar o abastecimento de água e tratamento de esgoto da cidade e que vem sendo realizado sob o comando do Departamento de Água e Esgotos de Ribeirão Preto (Daerp) nos longo dos últimos anos.

 

O levantamento do Trata Brasil mostra a redução de 36,58% nas perdas de água na rede de abastecimento, caindo de 25,5% para 15,89%. Para atingir esse índice, o Daerp tem investido pesado na substituição do sistema de redes e modernização do sistema de captação e reservação. A troca do sistema de abastecimento já atingiu diversos setores da cidade (Vila Tibério, 9 de Julho, Vila Seixas, Sumarezinho, Campos Elíseos, entre outros), utilizando recursos do PAC (Governo Federal) e investimentos próprios que somam mais de R$ 160 milhões (obras e equipamentos), que estão sendo aplicados entre 2015 e 2016.

 

100% de coleta de esgoto – Todo este investimento requer uma preparação, elaboração de projetos, normatizações e realizações de licitações. A partir do ano passado, dentro do previsto, o índice de investimento da autarquia aumentou gradativamente. Já em 2015, o Daerp investiu R$ 51 milhões de um orçamento de R$ 250 milhões, o que representou 20,4%. Neste ano, especialmente, serão investidos R$ 103 milhões, entre recursos próprios e terceiros (PAC e demais financiamentos) o que representa 30,29% do orçamento previsto de R$ 340 milhões.

 

Além destes investimentos também estão sendo executados outros R$ 137 milhões na coleta e tratamento de esgoto no município. Eles irão acontecer nos próximos 30 meses e vem sendo realizados pela empresa Ambient, concessionária do tratamento de esgoto. A ação permitirá que o município atinja 100% de coleta e de tratamento no final deste período.

 

Internamente também está sendo realizado um trabalho de modernização e padronização de todo o sistema de atendimento, cobrança e prestação de serviços que vai ter um efeito significativo para a redução das perdas de faturamentos. Parte desta perda se deve a questão de inadimplência que hoje gira em torno de 15% e o restante são perdas que estão relacionadas com furto de água, que ocorre principalmente na periferia da cidade.

 

Índices de “primeiro mundo” – Outro dado importante apresentado pelo Instituto é que Ribeirão Preto está entre os municípios que apresentaram 100% de atendimento de domicílios legais com atendimento de água tratada e 98,78% de afastamento de esgoto. Índices de primeiro mundo e que colocaram Ribeirão Preto a frente de todas as capitais brasileiras e de grandes cidades brasileiras.

 

Fonte: http://www.ribeiraopreto.sp.gov.br/J332/noticiaWebDetalhe.xhtml?id=34538 – Prefeitura de Ribeirão Preto-SP

    Galeria de Fotos